Poetizar

Poetizar
Às vezes faço versos, às vezes me faço versos!

segunda-feira, 15 de julho de 2013

O quanto a solidão precisa para morrer?

O quanto a solidão precisa pra morrer?
Pergunta a canção antiga.
A solidão que me assola o peito
Precisa de você me cobrindo de carinho
Do jeito que só você sabe fazer...
E assim, ela vai esvaecendo pouco a pouco...
E na delicia dos teus beijos
Minhas emoções vão se fundindo.
E na caricias de tuas mãos
Meu corpo vai se aquecendo.
Revivo na emoção de está contigo
Meu amor está em tua companhia
É sorrir por dentro e por fora
É me completar como o Sol beijando a aurora
Nos momentos lindos vividos
A saudade se desfez
Era o tempo que precisava
Para desfalecer de vez.

 
Jacinta Santos
09/07/13

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique há vontade, pode comentar.