Poetizar

Poetizar
Às vezes faço versos, às vezes me faço versos!

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Filha

Minha Sara Linda
Foi semente plantada,
germinada, regada, amada.
Nasceu pequenina, menina, linda.
Trouxestes alegria.
Há 16 anos ilumina minha vida.
É criança? Menina? Mulher?
O importante mesmo é que é minha filha,
é minha Linda Sara.
Ou será minha Sara Linda?
Quando está por perto
contagia a todos com o teu carisma.
Quando está longe e me vem a tua lembrança
desperta em mim o mais terno sorriso.
É minha Linda Sara.
Ou será  minha Sara Linda?
Será para sempre a minha menina,
o meu mais terno sorriso,
a minha Sara Linda.

Um comentário:

Fique há vontade, pode comentar.