Poetizar

Poetizar
Às vezes faço versos, às vezes me faço versos!

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Pedidos

Se o vento se alvoroçar ao te encontrar.
Não se assuste...
Ele estará apenas atendendo a um pedido meu,
de beijar tua face enquanto estiver longe de mim.
Retirada do site igrajagoias.blogspot.com
eo alvoroço do vento ao te tocar
nada mais é que a intensidade da minha saudade
e a felicidade de te acariciar.
Ao amanhecer, se o sol brilhar
de maneira diferente e envolvente 
não veja nesse gesto estranhamento,
pedi a ele que ao te encontrar
brilhasse especialmente para você
como toda intensidade do meu amor,
para que você sinta que mesmo distante
estou presente com o meu calor.
Ao abrir a janela do teu quarto
um pássaro ali pousar e insistentemente cantar.
Não o afugente...
Pedi ao rei dos pássaros que mandasse
O pássaro de canto mais afinado
Ao seu encontro e para você cantar.
É que se sentires saudades minha
ele aí estará para o seu coração alegrar.
Jacinta Santos 20/08/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique há vontade, pode comentar.