Poetizar

Poetizar
Às vezes faço versos, às vezes me faço versos!

domingo, 18 de setembro de 2011

Enquanto você me evitava

Enquanto você me evitava eu te amei.
Também chorei e te esperei
como você não veio
 o meu coração sentiu o peso do cansaço,
sofreu, sentiu o gosto do amargo,
foi rejeitado.
Então, cansado de te esperar
foi à luta e venceu.
Arrumou um novo amor
aprendeu novamente a sorrir,
abriu as janelas do seu ser
e deixou-se inundar com o prazer
de amar e se amado.
e tudo aconteceu
enquanto você me evitava.
Jacinta Santos 10/ 09/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique há vontade, pode comentar.