Poetizar

Poetizar
Às vezes faço versos, às vezes me faço versos!

segunda-feira, 26 de março de 2012

Sou da poesia os versos

Sou da poesia os versos.

violetasensolaradas.blogspot.com
Do amor sou sofredor.

De tanta beleza da flor

Só experimentei o espinho pontiagudo,

Que escavacou meu coração.

 Na linha do tempo que rege os corações

Sou teimosia sem igual,

Ainda vou ser versos de amor

Para o meu cavalheiro encantador.

Conhecedora dos espinhos que sou,

Colherei imensas quantidades de flores

Sem deixar que os espinhos me toquem

E, nem tão pouco te machuquem.

Tenho como companheira a esperança

Se hoje sou do amor o sofredor,

Ainda serei versos de amor.



Jacinta santos

29/02/2012




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique há vontade, pode comentar.